desktop_noticias_topo

Feiras internacionais devem gerar mais de US$ 5 milhões para o setor de couros e calçados

A participação de 11 empresas de componentes para a cadeia do couro e calçados, apoiada pelo Brazilian Materials nas feiras internacionais ANPIC e A+A, deve gerar mais de US$ 5 milhões entre negócios efetivados e alinhavados nos eventos. O programa de apoio às exportações que promoveu as participações é mantido pela Associação Brasileira de Empresas de Componentes para Couro, Calçados e Artefatos (Assintecal) em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil).

Na Alemanha, em Düsseldorf, a participação verde-amarela das empresas Brisa, Intexco, Formas Kunz, Flecksteel, Matrizminas, Bandtex, Polako e ITM foi na A+A, entre os dias 24 e 27 de outubro. Considerada a maior mostra do mundo no segmento de segurança no trabalho, o evento gerou US$ 500 mil em negócios efetivados in loco, aos quais devem ser somados mais US$ 2,1 milhões em vendas alinhavadas durante a feira, somando um total de US$ 2,85 milhões. A mostra alemã teve mais de 2,2 mil expositores de 58 países. 

No México, em León, a participação das empresas Plastiluzzi, Killing e Jotaclass aconteceu na ANPIC, uma das mais importantes feiras de componentes e couros para calçados da América Latina. O evento, que aconteceu entre 25 e 27 de outubro, gerou, in loco, US$ 740 mil para as empresas verde-amarelas apoiadas pelo Brazilian Materials. Com negócios alinhavados que somam mais de US$ 1,7 milhão, a soma total ultrapassa US$ 2,2 milhões em vendas para o setor.

A ANPIC contou com cerca de 300 expositores e recebeu mais de 10 mil compradores de 30 países

Sobre o Brazilian Materials

Os fabricantes brasileiros que integram o setor de componentes interessados em ampliar suas relações comerciais com o mercado externo têm a oportunidade de participar, assim como outras 300 empresas, do projeto Brazilian Materials, realizado pela Assintecal, ApexBrasil e Abrameq, que pretende promover um bom desempenho das exportações e, consequentemente, do setor. O projeto possui soluções adequadas para cada nível de internacionalização, mantendo ao alcance das empresas ações de promoção comercial, inteligência, capacitação, entre outros. Para mais informações, entre em contato por meio do e-mail: [email protected].

Siga o Jornal do Agro Online no Telegram e receba diariamente as principais notícias do Agro:

https://t.me/jornaldoagroonline

Curta nossa página no Facebook:

https://www.facebook.com/jornaldoagroonline/

Instagram: https://www.instagram.com/jornaldoagroonline/

TikTok: tiktok.com/@jornaldoagroonline

Fonte: Apex Brasil

Mostrar comentários